Acidentes de Trabalho: Proteja Sua Empresa

Acidentes de trabalho nunca são bem vindos. De alguns anos para cá, os investimentos e a fiscalização da segurança do trabalhador aumentaram, mas parece que o resultado não está seguindo a lógica.

O Brasil vem atravessando uma crise política e econômica séria. Mesmo com alguns sinais de recuperação, com tentativas do governo de trazer investimentos estrangeiros para o país, o mercado ainda está longe de ser aquecido. Nesse cenário, o empresário sofre para manter os postos de trabalho e o que ele menos quer é um funcionário acidentado.

Já tivemos a oportunidade de falar dos impactos financeiros de um acidente de trabalho. Em mais de 60% dos casos, o empregador é obrigado a pagar multa, indenização ao trabalhador, além de arcar com os custos do eventual tratamento.

Mesmo assim, dados recentes levantados pelo Dieese revelam que o número de acidentes de trabalho registrados no INSS aumentaram incríveis 43% nos últimos 10 anos. Isso engloba os acidentes que ocorrem durante a execução do serviço e aqueles que ocorrem durante o deslocamento entre casa e trabalho.

Infelizmente, acidentes de trabalho são comuns

Não é difícil encontrar notícias sobre algum acidente de trabalho recente. Temos exemplos como o caso do jovem de 22 anos que morreu soterrado por farelo de milho em uma indústria de grãos, ou do homem que se acidentou enquanto trabalhava na poda de uma árvore e também morreu na semana passada.

Outros tantos relatos de trabalhadores que tiveram membros amputados ou sofreram danos irreversíveis são comuns no noticiário, principalmente nos setor industrial e de serviços pesados. Construção civil, em estaleiros, portos, indústrias em geral, serviços realizados em altitude ou em ambientes com alto índice de insalubridade.

Isso se soma com negligência de alguns empregadores com os EPIs e demais normas de segurança.

Porque tantos acidentes de trabalho?

A Confederação Nacional da Indústria afirma que muitos acidentes de trabalho estão fora do alcance dos programa de proteção do trabalhador. Existe uma série de atividades que são de alto risco e que, em casos de acidentes, as consequências são sérias, muitas vezes fatais, mesmo que as normas estejam sendo seguidas.

No entanto, o descaso com a segurança certamente é o maior culpado pelos muitos acidentes de trabalho que acontecem. O aumento no número revelado pela pesquisa é resultado de diversos fatores, até mesmo do aumento do trabalho formal, mas não se pode ignorar a falta de medidas de segurança de algumas empresas.

A Soul Ambiente é especialista em segurança do trabalho e saúde ocupacional. Podemos tornar sua empresa segura para o trabalhador e alinhada com as normas vigentes. Entre em contato para mais informações!